Escolhido ou rejeitado?

O Senhor, contudo, disse a Samuel:“Não considere sua aparência nem sua altura, pois eu o rejeitei. O Senhor não vê como o homem:o homem vê a aparência, mas o Senhor vê o coração.” 1 Samuel 16.7

Uma das proezas mais difíceis — porque não dizer impossíveis — é conhecer o coração de alguém. Quando falamos em conhecer o coração de alguém, estamos falando de ver a verdadeira intenção desse alguém; seus sonhos, seus valores e etc.

A tarefa de Samuel era encontrar o homem selecionado por Deus. O homem que Deus procurava para uma tarefa especial, liderar seu povo. Não seria uma tarefa qualquer, portanto não poderia ser um homem qualquer. Mas o erro de Samuel foi um erro comum que todos nós comentemos em algum momento, ou alguém comete conosco. Nós subestimamos pessoas, porque os nossos olhos nos traem, nos enganam. Pois o que vemos é somente o exterior.

A resposta de Deus para Samuel foi simples e direta. Pare de ver pela a aparência, disse Deus. Felizmente nós nunca conseguiremos ver como Deus vê. Imagine se pudéssemos ter essa habilidade, como seria nossos relacionamentos; no mínimo seria sem graça e angustiante ao mesmo tempo. Por mais que fiquemos impressionados com a aparência, não deixe seus olhos te enganarem, ouça a voz de Deus, ouça a voz do Espirito Santo, como fez Samuel. Gaste tempo com isso. Nossos olhos irão nos enganar, mas a voz do Espírito jamais.

Deus está à procura não de pessoas impressionantes, mas de pessoas com um coração excelente, pois é lá que Deus irá ver o que fará toda a diferença. Por isso, guarde seu coração, não deixe-o ser contaminado, deixe-o livre de todo orgulho, ambição egoísta, deixe-o livre para que Deus o tome.

“Então o Senhor disse a Samuel:“É este! Levante- se e unja-o” (1 Samuel 16.12b)

Lembre-se, não adianta a boa aparência, Deus conhece seu coração; o mundo todo pode até te escolher, mas o que adiantará se Deus rejeitar. Seja você aquele que Deus irá escolher. Seja você o ungido do Senhor.
Que Ele te abençoe.

Pr. Joel Morais

Comente